Brasil: documentos revelados muestran que Volkswagen espiaba a Lula en la época de la dictadura

Documentos mostram que Volkswagen espionava Lula na época da ditadura

Comissão Nacional da Verdade detalhará, no relatório final, como empresa mantinha ‘diários de greve’ e análises sobre comportamento de Lula, então líder sindical na região do ABC paulista.

A Volkswagen, empresa alemã de automóveis, espionou o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva durante o período militar no Brasil, que durou de 1964 até 1985. Segundo a agência Reuters, a Volkswagen informava seus monitoramentos, como nomes e reivindicações salariais, ao governo militar, durante o início da década de 80.

Além da Volkswagen, outras empresas monitoravam e informavam os militares sobre seus próprios funcionários, buscando líderes do movimento sindical durante o período. As informações foram encontradas em documentos em um arquivo nacional e deverão fazer parte do relatório da Comissão Nacional da Verdade (CNV), que investiga os abusos e ilegalidades cometidos pelos militares.

Os documentos comprovariam que diversas empresas teriam contribuído com o regime não só ideologicamente, mas também com serviços de inteligência e informação. Em agosto, a CNV já havia encontrado indícios da participação de empresas no Brasil a serviço dos órgãos repressivos.

Nos documentos enviados pela Volkswagen aos militares, denominados como “confidenciais”, a empresa entregava informações detalhadas, como nomes de funcionários que participavam e lideravam as greves e até os números das placas dos veículos que eram usados nas manifestações. Em um dos documentos, a Volkswagen teria revelado aos militares sobre a exibição de filme com conteúdo socialista dentro de suas dependências. Funcionários acusados de usar drogas também tinham seus nomes revelados.

A Volkswagen afirmou que vai apurar as informações sobre possíveis funcionários que trabalharam em parceria com os militares.

http://www.redebrasilatual.com.br/politica/2014/09/documentos-mostram-que-volkswagen-ajudava-espionagem-contra-lula-na-epoca-da-ditadura-418.html