Tras el llamado de Obama, Dilma Rousseff decide si viaja o no a EEUU

Dilma recebe telefonema de Obama e anuncia amanhã decisão sobre viagem aos EUA

O porta-voz da Presidência da República, Thomas Traumann, informou hoje (16) que o presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, telefonou às 18h30 para a presidenta da República, Dilma Rousseff. Conforme o porta-voz, a presidenta anunciará amanhã  (17) decisão sobre a viagem ao país, programada para outubro.

De acordo com Traumann, a conversa entre os dois presidentes durou vinte minutos e o porta-voz não revelou detalhes do telefonema. “A decisão sobre Washington será anunciada amanhã”, disse o porta-voz.

Após denúncias de que os Estados Unidos espionaram dados de brasileiros, incluindo da presidenta, Dilma passou a cogitar o cancelamento da visita de Estado ao país.

A presidenta se reuniu no final do dia com o ministro das Relações Exteriores, Luiz Alberto Figueiredo Machado, para discutir o retorno dado pelo governo norte-americano aos questionamentos do Brasil sobre as denúncias de espionagem. Figueiredo esteve em Washington na semana passada para tratar do assunto com a conselheira de Segurança Nacional dos Estados Unidos, Susan Rice. Há dez dias, durante a Cúpula do G20, na Rússia, o presidente Barack Obama se comprometeu com a presidenta Dilma a responder aos questionamentos do governo brasileiro em uma semana, prazo já expirado.

No início da próxima semana, a presidenta Dilma viajará aos Estados Unidos, mas para a abertura da Assembleia Geral da Organização das Nações Unidas (ONU), em Nova York.

 

Dilma confirma que anunciará hoje decisão sobre visita de Estado aos EUA

A presidenta Dilma Rousseff confirmou hoje (17), em entrevista a rádios gaúchas, que se pronunciará ao longo do dia sobre sua visita de Estado a Washington, prevista para outubro. Ontem à noite, ela se reuniu com o ministro das Relações Exteriores, Luiz Alberto Figueiredo Machado, para discutir o retorno dado pelo governo norte-americano aos questionamentos do Brasil sobre as denúncias de espionagem.

Durante o encontro, Dilma recebeu telefonema do presidente norte-americano, Barack Obama, com quem conversou por cerca de 20 minutos. “Quanto à minha conversa com o presidente Obama é fato, ela ocorreu ontem à noite e eu darei, ao longo do dia, uma entrevista sobre como iremos encaminhar essa questão da viagem aos Estados Unidos”, respondeu às rádios.

A presidenta passou a cogitar o cancelamento da visita de Estado ao país, após denúncias de que os Estados Unidos espionaram dados de brasileiros, inclusive dela, além de empresas estratégicas como a Petrobras.

Nota completa: http://agenciabrasil.ebc.com.br/noticia/2013-09-17/dilma-confirma-que-anunciara-hoje-decisao-sobre-visita-de-estado-aos-eua

 

http://www.ebc.com.br/noticias/internacional/2013/09/dilma-recebe-telefonema-de-obama-e-anuncia-amanha-decisao-sobre