Brasil: dirigente del PMDB pide a Temer que colabore “en la construcción de una salida”

35
Contexto Nodal
El diario O Globo reveló que, en una grabación, el presidente Michel Temer avaló la compra del silencio del ex jefe de la Cámara de Diputados, Eduardo Cunha, para ocultar la corrupción en Petrobras. Cunha está condenado a 15 años de prisión por su participación en el caso de la petrolera estatal. La oposición pide la renuncia del mandatario y que se convoque a elecciones.

EM VÍDEO, RENAN PEDE RENÚNCIA NEGOCIADA DE TEMER

Em vídeo divulgado em suas redes sociais, Renan Calheiros, líder do PMDB no Senado, pede, de maneira cifrada, a renúncia negociada de Michel Temer.

Procurado, Renan confirmou que o teor da mensagem era no sentido de que Temer compreenda a gravidade do momento e facilite a própria sucessão, uma vez que o processo de impeachment é algo traumático para o país, como já se demonstrou em sua opinião no processo que levou à destituição de Dilma Rousseff.

As informações são de reportagem de Fabio Murakawa no Valor.

No vídeo, de 34 segundos, Renan sugere também a instalação de uma assembleia constituinte em 2018.

Confira íntegra da fala de Renan:

“A OAB se equivoca ao propor o impeachment. O impeachment, como vocês sabem, não traz consigo uma solução para a crise. Pior, pode agravá-la. Falo isso com a responsabilidade de quem conduziu o processo anterior. Nós precisamos construir uma saída na Constituição que garanta eleições gerais em 2018 e Assembleia Nacional Constituinte. Fora disso, é o imponderável. Eu tenho absoluta convicção de que o presidente da República compreenderá o seu papel e ajudará na construção de uma saída.”

Brasil 247


Más notas sobre el tema