Brasil: Bolsonaro acusa a la prensa de mentirosa por decir que tenía posible cáncer de piel

Bolsonaro noticia suspeita de câncer de pele e depois acusa a imprensa de divulgar fake news

Jair Bolsonaro evidenciou que ele é, de fato, a fábrica de fake news. Nesta quarta-feira (11), Bolsonaro chegou ao Palácio da Alvorada com um curativo na orelha e disse que após passar por série de exames no Hospital de Força Aérea de Brasília (HFAB), que havia uma suspeita de câncer de pele e, nesta quinta-feira (12), acusou a imprensa de propagar fake news.

“Estou bem de saúde, a questão é a rotina. É questão de estafa. Eu sabia que não ia ser fácil. Espero que vocês [jornalistas] colaborem, não comigo, mas com o Brasil. Tem também possível câncer de pele”, afirmou Bolsonaro aos jornalistas.

E acrescentou: “Eu tenho pele clara, pesquei muito na minha vida, gosto de muita atividade. Então, a possibilidade de câncer de pele existe. Por enquanto, o Mourão, aí, continua vice, pode ter certeza. Eu não sei se vão fazer biópsia. Tiraram, me cutucaram, furaram, deram anestesia. Um tanto de coisa. Eu estava tão cansado que deitei na maca e dormi. Não sei o que fizeram”.

Ontem, em sua transmissão semanal feita às quintas-feiras, Bolsonaro afirmou que foi fake news da mídia, apesar dele mesmo ter falado sobre o câncer de pele.

“Teve uma fake news também que eu estaria com câncer. É mentira atrás de mentira. Infelizmente, grande parte da nossa mídia se presta a isso”, disse.

Ontem, após as declarações de Bolsoanro, a Secretaria de Comunicação Social da Presidência da República negou a suspeita de câncer, mas informou que ele passou por procedimentos em lesões causadas pelo excesso de exposição solar e que foram retiradas “lesões verrucosas” na face e na orelha, e lesões no tórax e no antebraço foram tratadas. O material coletado ainda passará por uma análise laboratorial.

Na live, Bolsonaro tentou demonstrar que que ainda tinha razão. Afirmou que se recusou a falar com os jornalistas na manhã de ontem devido à divulgação da fake news.

“Hoje a imprensa preparou a primeira pergunta, e eu falei: não vou responder nada porque vocês disseram que eu estou com câncer, então eu vou para casa. Não dei entrevista para ninguém”, disse.

Brasil 247